sexta-feira, janeiro 27

fim de semana 4


(Pôr-do-sol, Varanda da Aguda)

Na arte como no amor, o instinto é tudo.

En art comme en amour, l'instinct suffit.
(Anatole France)

Etiquetas:

14 Comentários:

Anonymous Spuk disse...

Que foto romantica.
Quem são os personagem
Bem queria ser eu um deles.
Spuk

27/01/06, 01:10  
Anonymous cristina disse...

Soberba foto para o fim de semana!
Bj

27/01/06, 06:17  
Anonymous Adão&Eva disse...

Mas esta gentinha não tem mais nada que fazer na vida do que virem para aqui relembrar outros tempos???
Cotas do caraças, vão mas é para casa cuidar das vossas mulheres/maridos, filhos, etc...!
Quando eram novos não aproveitaram, agora andam aqui nestas tretas!
Porque não aproveitam o que têm no presente?
Os da porcalhota são mesmo um bando de anormais!

27/01/06, 16:59  
Anonymous Anónimo disse...

Estive a ver isto e só vi fotografias de meninos parvinhos.
Que desiludão...

27/01/06, 17:00  
Blogger O Bicho disse...

Desilusão??? porquê?

27/01/06, 18:15  
Blogger O Bicho disse...

Parece que há um gajo em Queluz que resolveu embirrar, marrar aqui com o Pessoal da Porcalhota.
Pensei dizer mais alguma coisa, provocar, mas... que se lixe!

27/01/06, 18:32  
Anonymous OBicho disse...

Aproveitando a deixa do "adao&eva":
- vou tratar de fazer o jantar porque está quase a chegar a malta cá de casa e aqui o "cota" está em casa para tratar da mulher e dos filhos, para continuar a aproveitar o presente.
- e fico a pensar que proveitei "o que se podia" quando era novo.

27/01/06, 19:00  
Anonymous Anónimo disse...

Esse gajo está a falar assim,mas, vejam lá a treta de nome que ele arranjou! Adão e Eva deve de ser um macho do caraças com cueca de fio dental e umbigo à mostra, ele que vá lavar as panelas e os pratos e deixe a Porcalhota em paz.

27/01/06, 20:18  
Anonymous Anónimo disse...

Ora vamos lá pôr ordem à mesa, aliás, blog.
Este cantinho, é apenas um encontro de amigos, como provavelmente o Adão&Eva nunca teve, já que no paraíso terreal, não havia mais ninguém. Mas lá como cá também havia serpentes venenosas, à espreita da primeira mordida.
Os anormais, são aqueles que abrigados, pela capa do desconhecido, aqui vomitam impropérios sem nexo.
Deixem estes "anormais" fazer aquilo que é "normal", ou seja, aqui dialogar, às vezes em monólogo, sem pretender propagar e propalar as recordações e dissecações a que o autor deste blog se propôs.
Adão&Eva, vade retro Satanás!
Quim

27/01/06, 20:26  
Anonymous XL disse...

Mas este gajo não tinha sido expulso? Allez...Allez

28/01/06, 00:02  
Blogger Rui Salvador disse...

À boa maneira de alguns portugueses "o importante é escarnecer ou destruir o trabalho dos outros e não fazer algo de construtivo". Outros ainda, optam pelo que entendem ser um divertimento mas como a inteligência não impera, nem se apercebem que só revelam a sua a sua GRANDE ESTUPIDEZ!

28/01/06, 19:03  
Anonymous Anónimo disse...

Os Adões & Evas deste país (e com & obviamente)

Não sabem que o sonho é uma constante da vida tão concreta e definida como outra coisa qualquer, como esta pedra cinzenta em que me sento e descanso, como este ribeiro manso em serenos sobressaltos, como estes pinheiros altos que em verde e oiro se agitam, como estas aves que gritam em bebedeiras de azul.
Eles não sabem que o sonho é .........

(Pedra Filosofal de António Gedeão)
Rómulo Vasco da Ganma Carvalho-1906-1997-

Seve

31/01/06, 22:18  
Anonymous Adão&Eva disse...

Adão&Eva usa fio dental!
Usa saia, blusinha, e também usa avental!
Porque Adão&Eva é uma mulher que sempre teve que ser a mulher e o homem da casa antes de se divorciar! E continua depois, mas com muito orgulho!
Porque o porco da Porcalhota só queria saber dos amigos!
Enquanto a mulher andava a trabalhar de dia e na faculdade à noite, ele andava na borga!
Não pretendo ofender ninguém em especial mas sim quem mete os amigos em primeiro lugar na vida!
Até gostei do blog....

01/02/06, 15:43  
Anonymous Bicho disse...

Já me tinha esquecido, mas agora confirmei o que o meu instinto dizia, quando li o primeiro estranho comentário de "Adão&Eva": "UM gajo de Queluz que resolveu embirrar" afinal é UMA "gaja" (sem ofensa).

02/02/06, 00:26  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial