quinta-feira, fevereiro 15

Postal de Lisboa 7


Lá ao longe, a paisagem é cinzenta,
um bocado fria.
Aqui por baixo, a cidade é quente,
fervilha de gente.
O tempo, hoje, está como eu,
todo engorovinhado.
Com tanta humidade no ar,
é difícil respirar.
Por isso fiquei bastante defesso,
após subir esta colina.
Mas é bom, chegar ao cimo e (re)pousar...
a vista, na paisagem.

Etiquetas:

5 Comentários:

Anonymous Anónimo disse...

... pois :)
e qd o mar nos espreita o olhar ... conheçemos a serenidade ...
para mim , o mar numa noite de tempestade ... é o melhor espetaculo do mundo !
quem assiste , a esta produção da natureza ... ganha tranquilidade p o resto da vida ...

carla mar :)

15/02/07, 13:39  
Anonymous Anónimo disse...

" O poema me levará no tempo
Quando eu não for a habitação do tempo
E passarei sozinho
Entre as mãos de quem lê

O poema alguem o dirá
Ás searas

Sua passagem se confundirá
Com o rumor do mar com o passar do vento
O poema habitará
O espaço mais concreto e mais atento
No ar claro nas tardes transparentes
Suas silabas redondas
Ó antigas ó longas
Eternas tardes lisas
E entre quatro paredes densas
De funda e devorada solidão
Alguem seu próprio ser confundirá
Com o poema no tempo"
(Sophia de M.Breyner)

- Hei! Hoje é Quinta feira,dia de afoga o Ganso, porquê tanta melancolia ??? ( será que ontem não correu bem o dia? )

D o Romano

15/02/07, 16:41  
Anonymous Pantas disse...

Ó Mar ó Mar ó Mar
Ó Mar ó Mar ó Mar

Ó Mar ó Mar ó Mar
ò Mar ó Mar ó Mar

( Dixit Zé Pescador com a participação especial de Rui Marinheiro, o Salvador )

15/02/07, 17:19  
Anonymous Anónimo disse...

A V I S O

mar alteroso , temporariamente tempestuoso . ondas que podem atingir os 10 metros .


instituto de meteorologia do estoril :)

15/02/07, 17:40  
Anonymous cristina disse...

Menina Lisboa,você com franqueza
Esta muito bonita
Tem olhos rasgados,um ar de princesa
Vestido de chita
Tua voz suave que alegra e encanta
Se acaso aprega
Agora reparo,voê também canta
Menina Lisboa!
Frédérico de Brito

15/02/07, 20:47  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial