quarta-feira, março 21

Arquitecturas 31


Frontaria de azulejos do Ferreira das Tabuletas, no Largo Rafael Bordalo Pinheiro - Lisboa.
No aniversário do nascimento - 21 de Março de 1846 - do autor do Zé Povinho.

Eu não pertenço ao ajuntamento dos jornalistas, porque estou sozinho e não há ajuntamentos só de uma pessoa; eu não pertenço ao grupo monárquico, porque este me chama de revolucionário; eu não pertenço ao partido republicano, porque este me alcunha de vendido.

Nestes termos, não podendo ser nem político, nem jornalista vou fazer-me simplesmente operário, o que talvez venha a ser alguma coisa.

Escreveu ele, no semanário "António Maria", na sequência de uma polémica em torno da primeira vez que o governo de Portugal pretendeu impôr ao jornalismo, a "Lei da Rolha" em 1875.

1 Comentários:

Blogger Rui Salvador disse...

E há quem defenda o regresso da Lei da Rolha, neste caso para a web. Ver em:
http://rsalvador.blogspot.com/2007/03/sinais-xxiv-trends.html

21/03/07, 23:35  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial