terça-feira, dezembro 15

Homenagens



Óleo de Júlio Amaro
(existente no museu municipal de Guanare-Venezuela)
Retrato do Capitão João Fernandes de Leão Pacheco, nascido em Portimão em 1548.
Este "nosso" capitão, foi o fundador de Caracas e da cidade de Guanare, a capital do Estado Portuguesa na República Bolivariana da Venezuela.
Para além de ter tido um papel muito importante no povoamento humano da Venezuela, este ilustre portimonense, foi, nem mais nem menos que bisavô de Simão Bolívar.
De facto, "o Libertador" (da Venezuela, Colômbia, Panamá, Equador, Peru, e Bolívia), tem precedências lusitanas, sendo-lhe apontado ainda outro antepassado algarvio de origem pouco clara. Um tal de Brás Correa de Benavides, natural de Lagos.
Durante todo o Século XVI aportaram à Venezuela muitos algarvios e açorianos.

1 Comentários:

Blogger Kim disse...

E muitos outros estarão espalhados pelo mundo.
Ah grande Amaro!

17/12/09, 23:31  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial