sexta-feira, dezembro 2

Fim de semana 312


Memória de mais uma travessia do rio de Lisboa, a bordo do "Praia da Trafaria".

O declinar do sol sobre o mar, nos derradeiros minutos de um belo dia de Outono na foz do Tejo.
Disse ela:
- «Outra vez o mesmo cacilheiro. Será que não há outro?»,
- «Pois parece que não. A vida é assim, mais dia, menos dia, tudo tem um fim!»
- «Ora bem, mas ao menos que seja um BOM FIM... DE SEMANA!»

5 Comentários:

Blogger Maria disse...

Bicho
O Tejo é mesmo "o rio que passa na tua aldeia". A foto está linda, mais uma vez.
Bom Fim de Semana e beijinhos
Maria

03/12/11, 10:46  
Blogger Kim disse...

Ainda vais ao Ginjal?
Apesar de tudo e de ser sempre o mesmo cacilheiro, ainda é uma viagem simpática.

04/12/11, 01:10  
Blogger O Bicho disse...

É sem dúvida, Maria, o meu rio Tejo e a minha aldeia Lisboa.

04/12/11, 14:13  
Blogger O Bicho disse...

Passei há tempos pelo Ginjal, numa caminhada entre o cais de Cacilhas e o elevador da panoramico da Boca do Vento - o Ginjal propriamente dito é hoje uma ruína, uma grande trisiteza nada faz lembrar o que era dantes.

04/12/11, 14:17  
Blogger O Bicho disse...

Os passeios de agora andam mais pelo sítio onde "O Tejo se lança no Mar" - a Trafaria.
Lá se encontram hoje uma belas tascas - mesmo ali à beira rio, o "Caldeiradas", o "Aires", etc...

04/12/11, 14:20  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial