quinta-feira, fevereiro 2

o tempo e a vontade


(Entardecer em Belém)

Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades

Muda-se o tempo, muda-se o tempo...
Promessas! Previsões da meteorologia.
Estas nuvens não trazem chuva.

Muda-se o tempo, muda-se o tempo...
Tretas! Ninguèm acerta a porra do relógio.
São 6 da tarde e ele marca as 10.

Muda-se a vontade, muda-se a vontade...
Conseguiu! Mas a coisa levou o seu tempo.
Foram pelo menos 10 anos de atraso.

Muda-se a vontade, muda-se a vontade...
Conversa! Eu não os vejo a fazer nada.
Quando chegará o camião das mudanças?

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial